Enteada de 11 anos acusa vereador de assédio sexual durante festa em Mato Grosso

Gazeta Digital - O vereador de Cuiabá Chico 2000 (PR) é acusado pela enteada V.L.O.O., de 11 anos, por estupro. A menina é filha da namorada do vereador, F.O.da C..

Ela contou a uma tia paterna, E.O.R. que, dentro da casa dele, durante uma festa, ele passou a mão, mais de uma vez, no corpo da criança, seios e barriga, indo em direção aos órgãos sexuais, só parando porque o telefone dele tocou.

A tia levou o caso à polícia.

O Boletim de Ocorrência registrado na 1ª Delegacia de Polícia, na avenida da Prainha, região central da capital, dia 26, último sábado, narra que o abuso teria ocorrido, conforme a vítima e a tia dela, na festa de aniversário de Fernanda, dia 13 de outubro, por volta das 21 horas, na casa do parlamentar.

À tia , a criança alegou que não contou sobre o ocorrido na hora da festa à mãe para não "estragar" as comemorações.

Mas no dia 16 deste mês discutiu com o padrasto, foi para a casa de uma amiga e resolveu que contaria toda a verdade à tia.

De acordo com o registro policial, o vereador assentou a criança no colo e conversou com ela, bulinando-a.A menina contou à tia que, na noite da festa, já era tarde e queria ir embora, por isso a mãe a levou para um quarto para conversar e que a mãe chamou o vereador para convencê-la a ficar.

Narra ainda que ela levantou do colo dele e foi para outro quarto, mas ele a seguiu e a colocou no colo novamente. A menina conta que teve medo.

Ela está sob a responsabilidade da tia, que foi buscá-la na casa da amiga, até que o caso seja apurado.

O GD tentou falar com o vereador sobre a acusação mas ele não atendeu o celular na manhã desta segunda-feira (28).

O telefone não foi atendido inclusive no gabinete dele na Câmara Municipal.

A Câmara informou que, por enquanto, não há intenção em emitir nota referente ao caso particular.

O vereador foi reeleito e inicia o quarto mandato por Cuiabá. Ele é cotado para ser presidente da Casa.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS