Padrasto estuprava as enteadas de 15 e 17 anos em Guarantã do Norte e mãe presenciava tudo


HojeNews - A Polícia Militar de Guarantã do Norte continua procurando o padrasto de 56 anos que estuprava as enteadas de 15 e 17 com o consentimento da mãe das adolescentes.

Elas contam que os estupros aconteciam desde quando tinham 3 anos e com o consentimento da mãe. 

A adolescente de 15 anos chegou a tentar o suicídio ingerindo medicamentos. A Polícia Civil está investigando o caso.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - CONFIRA AQUI