Angelina Jolie concorda com Brad Pitt no divórcio e mantém sigilo sobre filhos


Purepeople - Durante o processo de divórcio, Brad Pitt solicitou, no começo de dezembro, que os detalhes relacionados aos seis filhos fossem mantidos em sigilo e o pedido foi negado pelo juiz. Coube então, ao astro de Hollywood, que teria se submetido a vários procedimentos estéticos após a separação, tentar um acordo com a ex-mulher.

De acordo com o site "TMZ", Angelina concordou com o pedido, apesar de ter se sentido ofendida com as indicações feitas pelo ator - cujo encontro com os filhos durante o Natal foi vetado por Jolie. "Há poucas dúvidas que (Brad) preferiria manter todo o caso em sigilo, particularmente por causa das investigações das alegações de abuso", indica um trecho do documento enviado à Justiça norte-americana pelos advogados da atriz.

Os dois atores, que ainda não se encontraram desde o ponto final no relacionamento, têm trocado acusações nos tribunais. "Ela parece empenhada em expor os filhos, os terapeutas e outras questões relacionadas à saúde dos filhos", dizia um trecho da acusação feita por Pitt, divulgado pela revista "People", antes de Jolie concordar com o sigilo sobre os herdeiros.

Uma fonte do britânico "Daily Mail" explicou ainda que a atriz se surpreendeu com o pedido do ex-marido, uma vez que já havia assinado um acordo de confidencialidade. "Se Angelina quisesse detalhar o que aconteceu no avião, ela poderia. Angelina manteve-se em silêncio e nada foi divulgado", indicou a pessoa próxima à artista, apontada como novo affair de Johnny Depp .

ÚLTIMAS NOTÍCIAS