Segurança: Reunião entre vereadores, promotor de Justiça e prefeito de Colíder definirá a reestruturação do GGI e o fortalecimento do Conseg



Da Assessoria – Os vereadores de Colíder, o promotor de Justiça Washington Eduardo Borrére e o presidente do Conselho Municipal de Segurança Pública (Conseg), Claudinei Aparecido Tosta, se reúnem nesta segunda-feira (30/01), às 14h, na Prefeitura, com o prefeito Noboru Tomiyoshi para discutir a reestruturação do Gabinete de Gestão Integrada Municipal (GGIM) e o fortalecimento do Conseg.

A criação do Fundo Municipal de Segurança Pública, que tem a função de apoiar projetos e investimentos em segurança pública e prevenção à violência, também estará em pauta. Os projetos habilitados por um conselho gestor poderão receber recursos deste fundo. Esse dinheiro poderá ser aplicado diretamente pelo município ou repassado mediante convênios, acordos, ajustes ou qualquer outra modalidade estabelecida em lei.


A reunião no gabinete do prefeito, solicitada pelo presidente da Câmara Municipal, Rica Matos, e pelo vice Marcos Aragão Pinheiro, o Marquinhos, é um dos primeiros resultados do encontro sobre segurança realizado na quarta-feira (25), no auditório da Câmara Municipal, entre os vereadores e representantes da sociedade civil organizada e dos órgãos policiais de Colíder, como Polícia Militar e Polícia Civil.

“Nós estamos vendo que essa nova administração municipal está com a determinação de fazer algo diferente pelas pessoas de Colíder. Tenho certeza de que o prefeito Noboru não faltará com o interesse em adotar iniciativas que ajudem a deixar a nossa cidade e o nosso interior mais seguros. E a Câmara de Vereadores está disposta a colaborar com esse processo”, pontua Rica Matos.

Idealizador do encontro que debateu medidas para reduzir os índices de violência no município, o vereador Marquinhos destaca que a reativação do GGIM é fundamental para viabilizar os investimentos de recursos na segurança pública. “Essa reunião com o Executivo é justamente para levar ao prefeito Noboru o clamor da sociedade por ações efetivas e viáveis de combate ao crime em Colíder. E o reestabelecimento do GGI e o funcionamento adequado do Conseg depende unicamente da atuação do governo municipal”, explica. 


Valdinei Tosta comenta que o encontro na Câmara de Vereadores despertou as autoridades de Colíder para adoção de ações imediatas para conter a violência. “Despertou a atenção para os problemas na nossa sociedade, procurando uma solução. A segurança pública é uma responsabilidade de todos, tanto da comunidade quanto das autoridades constituídas. E a restauração do GGI e o fortalecimento do Conseg são muito importantes. O GGI é fundamental para analisar e determinar as demandas fornecidas pelo Conseg. Sem isso, o Conseg fica praticamente inapto. Espero que a gestão de Noboru faça tudo funcionar”, comenta.

O vereador Marquinhos lembra que a lei municipal 2677, de 2013, já dispõe sobre a criação, administração, gerenciamento e atribuição do GGIM. A implantação da Secretaria Municipal de Segurança Pública, uma das promessas de campanha de Noboru Tolmiyoshi, também deverá debatida. A reunião contará também com a participação de representantes da Polícia Civil, Polícia Militar, Junta Militar, Guarda Municipal, Corpo de Bombeiros, Ciretran, Conselho Tutelar, Secretaria de Gestão e Defensoria Pública.

ÚLTIMAS NOTÍCIAS - CONFIRA AQUI