Secretário da Bahia e primo são presos por envolvimento com o tráfico de drogas e venda de anabolizantes em Mato Grosso

A segunda fase da operação "Bad Boys" realizou a prisão de dois suspeitos com mandando de prisão temporária em aberto. O médico e secretário municipal de saúde do município de Luiz Eduardo Magalhães, no Estado Bahia, F.P.G e seu primo, o comerciante V.G.M, tiveram as prisões cumpridas nas investigações conduzidas pela Delegacia Regional de Confresa (1.160 km Nordesde da Capital).

Os dois integravam a lista de pessoas investigadas, desde janeiro, por envolvimento em crimes tráfico de drogas, venda ilegal de produtos anabolizantes, armas e munições.


A prisão do comerciante V.G.M foi realizada em Confresa. O secretário F.P.G foi localizado em Senhor do Bonfim, na Bahia. Em posse dos suspeitos, foram apreendidos uma balança digital, cadernos de anotações de valores, 60 comprimidos de origem duvidosa, pinos de cocaína e 20 munições calibre 380.

O delegado regional, Marcos Leão explica que esta etapa é continuidade das ações que integrou as forças das Polícias Civil e Militar para o enfrentamento a esta modalidade de crime na região e que as atividades devem continuar.

“Vamos dar continuidade a esses trabalhos por aqui, a fim de executar a prisão dos suspeitos ainda foragidos”, declarou Leão.

Bad Boys I

No último dia 6, a primeira fase deflagrada no município executou a prisão de 9 pessoas com mandados de prisão expedidos, das quais 5 também foram autuadas em flagrante.

Em 12 horas de operação foram apreendidos 1,5 kg de cocaína, uma balança de precisão, uma espingarda calibre 20, R$ 5 mil em dinheiro, três munições de calibre 38, várias ampolas de anabolizantes, folhas de cheques e aparelhos celulares. A informação é da assessoria da PJC.


ÚLTIMAS NOTÍCIAS