NOTÍCIAS

Acusado de matar rapaz com 11 facadas após desentendimento é preso em Mato Grosso

O autor de um bárbaro crime ocorrido por motivo fútil e meio cruel, no município de Aripuanã (1.002 km a Noroeste de Cuiabá), que resultou na morte de um jovem, foi preso pela Polícia Judiciária Civil, na segunda-feira (28). O suspeito, José Fernandes da Silva, 45, conhecido como “Facha”, teve o mandado de prisão cumprido, após se apresentar espontaneamente na Delegacia de Polícia de Aripuanã.

O crime aconteceu no domingo, 30 de julho, quando várias famílias aproveitavam o dia em um balneário, localizado próximo ao centro da cidade. Na ocasião, a vítima Pablo Henrique Marques da Silva, 22, teve um desentendimento com José Fernandes.

Na discussão, o jovem desferiu um soco no rosto do seu desafeto que, em ato contínuo foi até sua residência, pegou uma faca e voltou para o balneário. O suspeito foi ao encontro de Pablo, que estava na companhia de sua esposa e do enteado menor de idade. Eles subiram na motocicleta para irem embora, quando se aproximou José Fernandes e perguntou a vítima “você duvida que eu te mato aqui agora?”.

Desacreditando, Pablo respondeu “sim”. Momento em que o suspeito retirou da cintura a faca e desferiu 11 golpes no jovem, que também teve várias lesões pelo corpo, decorrentes das frustradas tentativas de defesa.

Em depoimento ao delegado, Alexandre da Silva Nazareth, a esposa da vítima contou que mesmo depois que Pablo já estava desacordado, o agressor ainda o golpeou pelo menos mais três vezes. “Fizemos a representação pela prisão na quarta-feira (23) passada e hoje cumprimos a prisão dele”, disse.

Diante dos fatos, imediatamente a Polícia Civil representou pelo mandado de prisão preventiva por homicídio qualificado, por motivo fútil e pelo crime cruel, deferido pela juíza de Direito da Comarca local.

O suspeito foi preso ao se apresentar na Delegacia de Polícia. A informação é da assessoria da Polícia Civil.